Gestão

Veja o que é necessário para atender projetos de comunicação visual para o varejo

O varejo brasileiro é uma mina de ouro para quem tem uma empresa de comunicação visual. Atender a esse mercado pode ser uma verdadeira dor de cabeça se sua empresa não estiver preparada, mas acredite: se você conseguir desenvolver projetos destinados a esse nicho de forma ágil e sem perder a qualidade, a lealdade é praticamente garantida.

O varejo é o melhor tipo de cliente que você pode ter. Isso porque, diferentemente da maioria das empresas que possuem  demandas esporádicas, o setor varejista tem um fluxo de trabalho constante e com projetos específicos para cada data sazonal – Carnaval, Páscoa, Dia das Mães, Dia dos Pais, Dia dos Namorados, Natal… Basta pensar em uma data comemorativa que você terá um novo projeto no varejo envolvendo comunicação visual.

O que sua empresa precisa para atender um projeto no varejo?

A principal fonte daquela dor de cabeça que citamos no início é a falta de agilidade. Para atender o varejo, é preciso ter capacidade resolutiva, rapidez na entrega e muito jogo de cintura. Na maioria das vezes, você vai receber pedidos de projetos no varejo “para ontem”, então, é essencial que sua empresa seja bastante organizada para conseguir se encaixar à demanda do segmento.

“O varejo é muito dinâmico. Respiramos vendas a cada minuto, acompanhando a meta diariamente. Quando o mercado não responde bem, mudamos a estratégia do negócio do dia para a noite, com o objetivo de melhorar as vendas. Se nosso fornecedor de comunicação visual não acompanha nossa velocidade, fica complicado trabalhar”, reforça Aline Autran, da consultoria Ideia Mais, especializada em varejo.

A boa notícia, porém, é que grande parte das empresas de comunicação visual não gosta de atender o segmento varejista, o que garante um bom diferencial competitivo para você.

Os principais segmentos para um projeto no varejo

O varejo engloba, praticamente, todo mundo que precisa vender um produto, mas separamos, aqui, os segmentos mais rentáveis para a sua empresa de comunicação visual. Confira:

Projetos no varejo para supermercados

Toda a cidade tem um supermercado local que vai precisar de materiais de comunicação visual. E o mais interessante é que, praticamente, todo supermercadista tem um projeto de varejo novo a cada 15 dias – o que significa uma ótima constância de trabalho para a sua empresa.

Comece com alguns cartazes, plaquinhas de sinalização e testeiras de gôndola – materiais de simples execução e de uso descartável. Eles serão a sua porta de entrada: resolvendo bem e com agilidade este tipo de pedido, na hora de pensar em um projeto mais robusto, como uma letra caixa ou uma produção de fachada, você terá grandes chances de contar com a preferência do cliente.

Projetos no varejo para redes de móveis e eletrodomésticos

Sem tanta frequência como supermercados, as redes locais de revenda de móveis e eletrodomésticos têm uma vantagem diferente: normalmente demandam uma qualidade um pouco superior, o que lhe dá liberdade para trabalhar com materiais diferenciados para esse tipo de cliente. Com média de 30 dias para trocar o material, outra vantagem é que a quantidade de lojas do tipo varejista também costuma ser grande, o que dá uma boa margem de lucro no fechamento do pedido.

Projetos no varejo para lojas de shopping

Grande parte das lojas de shoppings tem um padrão mais elevado do que as lojas de rua. Não que você vá ignorar um projeto de varejo para esse tipo de negócio, mas, focando seu atendimento em franquias ou lojas multimarcas de padrão mais elevado, a probabilidade de trabalhar com um projeto mais elaborado (seja em materiais ou em valores absolutos) é maior.

Os shopping centers são um prato cheio para quem está prospectando clientes de comunicação visual – com uma loja ao lado da outra, basta uma passeada no centro comercial para distribuir cartões de visita e começar a conquistar clientes. E, claro, depois do bom atendimento do primeiro, vem a indicação para o segundo, terceiro e o quarto projeto de varejo.

A sua empresa desenvolve projetos de comunicação visual para o setor varejista? Compartilhe sua experiência nas redes sociais e continue acompanhando o nosso canal de conteúdo.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *