Gestão, Oportunidades

Impressão digital: como fazer o acabamento dos produtos?

Em alta no mercado, a impressão digital apresenta, evidentemente, processos diferentes dos que realizados na impressão convencional – inclusive no que diz respeito ao acabamento das peças produzidas.

A seguir, entenda melhor o que pode ser feito nesse sentido para entregar trabalhos de alta qualidade para os seus clientes.

Tempo é tudo

Na impressão digital, os processos de pós-impressão considerados tradicionais, como refiles, vincos, dobras e alceamento, também precisam ser realizados. O que muda, na verdade, é o tempo de acerto para tudo isso seja feito.

Dessa forma, a chegada do produto impresso para a finalização precisa ser bem estudada, assim como o fluxo de trabalho, de forma que seja possível manter a qualidade do acabamento.

Tecnologias de acabamento para impressão digital

“As tecnologias atuais utilizadas no acabamento de produtos impressos digitalmente para displays de grande formato são, geralmente, executadas por meio de plotters de recortes”, explica Anselmo da Silva Cuesta, coordenador de Atividades Técnicas Escola Senai Theobaldo De Nigris.

O especialista destaca, também, o uso de mesas de corte versáteis, que utilizam brocas ou fresas para lidar com diversos tipos de materiais, de diferentes espessuras, com o objetivo de atender a uma demanda de impressos complexos, exigidos pelo mercado atual.

“A escolha do equipamento e fabricante a serem utilizados em uma linha de produção deve levar em consideração a possibilidade de ter uma solução completa e integrada, que envolva software, hardware, suporte técnico e insumos”, complementa.

Vantagens de usar tecnologias para o acabamento

O uso de tecnologias modernas para o acabamento na impressão digital gera uma série de benefícios para as empresas. Por meio delas, pode-se trabalhar com grandes formatos, impossíveis de serem desenvolvidos em equipamentos utilizados para medidas convencionais, por exemplo.

Cuesta destaca, ainda, a alimentação automática para a produção dos impressos, que otimiza o ciclo produtivo como um todo. Além disso, as tecnologias são mais versáteis, uma vez que utilizam vários tipos de ferramentas, possibilitando acabamentos diferentes no mesmo equipamento, sem a necessidade de set-ups demorados.

Também é possível implementar um workflow (fluxo de trabalho) eficiente e apropriado para recortes de impressos de grandes formatos, melhorando o aproveitamento de imagens no suporte impresso e evitando perdas e erros durante o processo produtivo, desde a criação da arte visual até o acabamento do impresso.

“Alguns equipamentos podem ser utilizados em mais de um segmento. Um exemplo seria ir além dos displays e atuar, também, no setor de embalagens”, complementa o coordenador.

Como fazer o melhor uso dessas tecnologias?

A capacitação e o conhecimento das técnicas e tecnologias disponíveis no mercado são sempre o melhor caminho para oferecer acabamentos de impressão digital de alta qualidade.

“O que se percebe no mercado é que muito dos conhecimentos adquiridos pelos profissionais são provenientes de experiências vivenciadas no dia a dia. O ideal é sempre existir uma capacitação técnica, que pode ser realizada em escolas ou pelos fornecedores dos próprios equipamentos e softwares. Muitas vezes, os recursos disponíveis não são explorados na sua totalidade, principalmente quando falamos de softwares para a operacionalização desses equipamentos”, pondera Cuesta.

A quantidade de equipamentos rápidos, compactos e dedicados disponíveis no mercado para a pós-impressão digital já é enorme. Para você ter uma ideia, é possível ter vinco e dobra simultaneamente, o que garante a produtividade e o aumento da qualidade dos trabalhos, maximizando o lucro.

Mas para escolher as opções mais adequadas, é preciso manter-se atento sempre às necessidades e demandas dos clientes.

Você já utiliza alguma tecnologia para o acabamento em seus trabalhos de impressão digital? Conte para a gente nos comentários e continue acompanhando o nosso canal de conteúdo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *